Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

domingo, 9 de outubro de 2011

O que você vai dizer da próxima vez em que te falarem que nordestino é um povo sem cultura

Eu nunca respondi bem a esse tipo de comentário. Escuto muito isso de membros da nossa comunidade nordestina até. Gente embebida com o espírito de superioridade irritante falando no nome de filósofos cujos nomes somente 1% da população brasileira sabe pronunciar.

A primeira coisa que você deve perguntar ao idiota que teve a infelicidade de abrir a boca para te encher o saco é:

 _Merdinha, você sabe o conceito do termo cultura?

 Obs: você tem que usar exatamente esses termos ou perde toda a diversão.

Normalmente a pessoa que inicia esse tipo de debate nunca nem ouviu falar na ideia de que cultura tem um conceito. Para agilizar as coisas eu separei para vocês essa citação do livro CULTURA Um conceito antropológico de Roque de Barros Laraia.

 "Tomado em seu amplo sentido etnográfico é este todo complexo que inclui conhecimentos, crenças, arte, moral, leis, costumes ou qualquer outra capacidade ou hábitos adquiridos pelo homem como membro de uma sociedade".1 Com esta definição Tylor abrangia em uma só palavra todas as possibilidades de realização humana, além de marcar fortemente o caráter de aprendizado da cultura em oposição à idéia de aquisição inata, transmitida por mecanismos biológicos."

 Não sei se vocês notaram, mas não existe povo sem qualquer uma dessas características, ao menos não nesse planeta, então você já tem um ponto à frente do cretino, mas ele provavelmente vai argumentar que é muito amplo. A verdade é que esse conceito vai afunilando um pouco mais, entretanto eu gosto mais desse, pois é mais legal. Além do mais duvido que você esteja discutindo com alguém que não seja estúpido, então nesse momento você pode dizer:

_Você tem um melhor? Desculpe amigo, mas não é minha culpa se você não consegue entender os processos culturais. O lance é que você não tem inteligência o suficiente para entender que existem pessoas diferentes de você e do que está considerando como o ideal, além do mais seu ideal é meio chato e vem de um elitismo muito sem vergonha.

Em resumo, se você gosta de ser nordestino acerte o miserável e passe esse sentimento adiante.
Recomendação: se o cara for maior que você, seria interessante correr.

Um comentário:

Alanis disse...

Moro em São Paulo a uns 6 anos e logo que cheguei aqui percebi que os paulistas tem uma visão muito errada sobre o povo nordestino. Você não tem noção dos tipos de piadas que já ouvi sobre o povo nordestino e sobre nós baianos. Piadas carregadas de preconceitos. Outro dia estava conversando com uma colega de trabalho e passou na tv uma reportagem sobre a parada gay na Bahia...ela virou-se pra mim e disse: que cultura você vê nisso? e eu respondi: antes de responder a sua pergunta, me responda...você sabe o que significa a palavra cultura? você sabe o que é a parada gay? Ela, Proª de Educação Física não soube me responder. Por esse motivo parei de me sentir ofendida...Na minha opinião são pessoas alienadas e ignorantes.